Chapecoense: solidariedade no Twitter

A queda de um avião que transportava a delegação da Chapecoense, jornalistas e tripulantes atingiu não só a pequena cidade catarinense – mas o mundo inteiro.

O drama de Chapecó passou a ser um drama compartilhado por pessoas ao redor do mundo. Times, celebridades, líderes de Estado e muitos outros passaram a se solidarizar com o time momentos após a divulgação do ocorrido.

No Twitter não foi diferente. Dezenas de milhões de tweets foram produzidos em apoio ao time, à cidade e ao futebol, que sofreu a noite mais triste de toda sua história.

A coleta realizada entre os dias 29/11 e 01/12 gerou um grafo com 181.021 nós e 222.849 arestas. Nele, observamos seis clusters [agrupamentos] significativos de usuários que nos ajudam a entender melhor a comoção entorno do acidente.

Grafo: 181.021 nós – 222.849 arestas:

chapecoense-final

1-) Cluster Verde: 59.566 nós – 83.356 arestas:

O maior cluster do grafo, composto principalmente por clubes brasileiros e jogadores que atuam no futebol brasileiro.Na extremidade inferior do grafo também está presente o perfil oficial da Confederação Brasileira de Futebol – a CBF.

Cluster Verde.png

2-) Cluster Amarelo: 44.022 nós – 49.709 arestas:

Aqui estão presentes usuários (em sua maioria europeus) que abordam o futebol de forma irônica/fanática. O principal foco aqui são times/jogadores que atuam no futebol europeu, como é o caso do usuário @messi10stats e @NeyMarvellous. A quantidade de retweets aqui é realmente impressionante.

Cluster Amarelo.png

3-) Cluster Azul: 34.619 nós – 40.115 arestas:

Dois usuários dominam esse cluster: @FALCAO e @Juezcentral. O primeiro refere-se ao jogador Falcao García, enquanto o segundo aborda temas ligados ao futebol mundial em língua espanhola. Vale ressaltar a cobertura feita pelo usuário @FALCAO durante a homenagem realizada pelo Atlético Nacional na Colômbia.

Cluster Azul.png

4-) Cluster Vermelho: 11.893 nós – 11.989 arestas:

Esse cluster foi dominado pelo perfil oficial do time Liverpool – @LFC.

Cluster Vermelho.png

 

5-) Cluster Rosa: 6.473 nós – 9.234 arestas:

Aqui está talvez o cluster mais interessante entre os aqui representados. O usuários @jef_united faz referência a um time da segunda divisão japonesa, extremamente empenhado durante o período em homenagear as vítimas do acidente, mas uma em especial: o jogador Kempes, morto no acidente e ídolo no time quando de sua passagem pela equipe nipônica. A equipe Sanga F.C. (@sangafc) também demonstrou todo seu apreço e carinho para com o jogador Thiego, que vestiu o manto da equipe entre os anos 2009 e 2010. Por fim, o time Kawasaki Frontale (@frontale_staff)  prestou homenagens e lamentou o falecimento de Arthur Maia, meia que defendeu a equipe durante o ano de 2015.

Cluster Rosa.png

6-) Cluster Verde Claro: 5.887 nós – 6.425 arestas:

Aqui o protagonismo do cluster ficou com o usuários @ActuFoot_, perfil de lingua francesa que aborda temas ligados ao futebol e a futebolistas franceses.

cluster-verde-claro